Blog Joalharia

[:pt]Branqueamento[:en]Cleaning with Pickle[:]

[:pt]Há cerca de um ano, quando comecei a fazer experiências com o maçarico, comprei um pó de branqueamento e um pote elétrico. Ao princípio nem tentei usar porque a única coisa que fazia eram bolas na ponta do fio de prata e consegui limpá-las facilmente com palha de aço ou um banho limpa-pratas para talheres, que também é ácido apesar de não ser tão forte como o branqueamento.

À medida que fiquei mais interessada em trabalhar com o maçarico, decidi finalmente comprar o pote para branqueamento, mad depois fiquei grávida e não quis arriscar usar químicos durante ou logo após a gravidez, por isso tem estado guardado até agora.

Entretanto mudei de casa e montei o meu atelier num quarto onde posso trancar a porta. A minha filha está na creche e tenho que fazer uns brincos para o casamento de uma amiga. Fiz mais uns quantos alfinetes com uma bola derretida na ponta e resolvi experimentar o branqueamento.

O produto de branqueamento que comprei é um pó branco que se deve dissolver em água quente. O líquido resultante é depois colocado no pote de branqueamento e mantido quente para ser mais eficaz.

Uma vez que estava só a limpar 26 afinetes e tinha acabado de misturar o líquido pela primeira vez, nem foi preciso manter o pote ligado porque o líquido ainda estava quente suficiente para limpar depressa.

Fiquei satisfeita com o resultado. Algumas das bolinhas ficaram com poros e nessas zonas ainda estava preto mas de resto o metal ficou limpo e branquinho. Vou ter de usar a palha de aço ou mesmo uma lima para acabar de limpar estas zonas mas não tive a descoloração que costumo ver quando uso o líquido de limpeza para talheres que usava antes. O branqueamento, desde que quente, também é um método de limpeza muito mais rápido do que palha de aço num alfinete de cada vez.

Resolvi guardar o líquido de branqueamento num frasco de vidro por agora. Provavelmente podia deixá-lo no pote mas tive medo de o estragar porque não uso ainda com muita frequência.

Tive alguma dificuldade em “pescar” os alfinetes do fundo do pote. O pó não devia estar ainda completamente dissolvido e por isso o líquido estava um bocado turvo o que não permitia ver onde estava o metal.A pinça de latão que comprei também é pouco comprida e é difícil de chegar ao fundo sem enfiar os dedos lá dentro. Acabei por deitar o líquido para outro recipiente de forma a chegar aos alfinetes mas de futuro tenho de arranjar outra solução mais prática.[:en]I bought an electric pickle pot and safety pickle over a year ago, when I started experimenting with my torch. At first I didn’t bother because I didn’t solder much or make that many head pins and I could clean them quickly enough with steel wool or using a silver bath cleaning fluid that is also acid but not as strong as safety pickle.

As I got more interested in working with the torch I finally decided to get the pickle pot, but then I got pregnant and didn’t want to risk using chemicals anywhere near my baby, before or after birth, so it’s been sitting there for ages.

I’ve since moved and set up my studio in a room with a lock on the door, the baby is now in daycare and I have to make some earrings for a friend’s wedding. After making some head pins I finally had the chance to try out the pickle pot.

The safety pickle I bought is a white powder that should be mixed with hot water. The pickle is then poured into the pot and kept warm for it to be more effective.

Since I was only cleaning about 26 head pins and made the pickle for the first time I didn’t need to keep the unit plugged in because the mix was still warm from mixing.

I was pleased with the result. Some of the balls have tiny pits that are still dark and I will have to use some steel wool and possibly a file to get rid of the remaining black but on the whole the pins came out clean and shiny, not as white or discoloured as they did when I used the silver bath cleaning fluid in the past, and it’s certainly much faster than cleaning the whole batch of pins with steel wool.

I’m storing the pickle in a glass jar for future use. I could probably leave it in the pot but since I don’t use it very often I’m afraid it might ruin the pot.

I had a bit of a problem fishing the pins out because the liquid wasn’t entirely clear and I couldn’t see where they were (most likely, the powder wasn’t completely dissolved). The brass tweezers I bought to use with this are not long enough if the pot is full and fishing around for tiny pins with tweezers is more trouble than it’s worth. I finally opted for emptying out the pot and only then removing the pins. I’ll have to work out a more practical solution for when I just want to see if they’re clean enough.[:]

[:en]You may also like...[:pt]Veja também...[:]