Blog Joalharia

As ferramentas fazem-me agressiva

Comecei ontem as aulas de joalharia, por isso hoje tive de ir comprar algumas ferramentas que ainda não tinha – uma régua metálica, pinça de pontas finas, um martelo, compasso, limas, punhos de madeira e metal e um bloco de carvão para soldar. Também comprei chapa de prata e prata fina para aprender a fazer a liga.

Trabalho com fio de prata e outros materiais há alguns anos mas achei que precisava de aprender algumas técnicas mais avançadas com um joalheiro a sério em vez de perder mais tempo com tentativas frustrantes que gastam material desnecessariamente. Os erros começam a sair muito caros quando se trabalha com metais precisos e é bom ter alguém para tirar dúvidas.

Ao regressar da loja com o meu saco de ferramentas, comecei a pensar que seria um péssimo dia para ser assaltada. Não tinha muita prata mas mesmo assim foi cara e estava um bocado nervosa. O que tem piada é que, como também tinha um martelo (que não era grande mas ainda dava para fazer alguns estragos) os meus pensamentos estavam continuamente a oscilar entre “por favor não olhes para mim, eu nem sequer estou aqui” para “mete-te comigo e esmago-te o crânio”. Felizmente a viagem de regresso correu sem incidentes o que é óptimo porque não gostava nada de passar a próxima aula de joalharia na prisão.

Veja também...

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *